Executar não é tudo, pense, pergunte e analise

Um jovem executivo estava saindo do escritório quando vê o presidente da empresa com um documento na mão em frente à máquina de “picotar” papeis.

– Por favor, diz o presidente, isto é muito importante pra mim, e minha secretária já saiu. Você sabe como funciona esta máquina?

– Lógico!, responde o jovem executivo. Imediatamente tira o papel das mãos do presidente, liga a máquina, enfia o documento e aperta um botão.

– Excelente meu rapaz!!! Muito obrigado. Eu preciso só de 1 cópia. Onde sai?

Deu para entender o título?

Então vamos começar a executar, mas antes vamos pensar…

Falamos da necessidade da mudança, da determinação para mudar, do conhecimento necessário para o trabalho.

Falamos da importância da liderança e da necessidade do planejamento, que tem início pela sensibilização.

Falamos da missão, visão e valores.

Mas restam algumas perguntas referentes ao planejamento: Por quê? O quê? Quem? Quando? Onde? Como?

Hoje vamos falar do “por quê”.

Vocês conseguem imaginar quantos porquês existem quando se fala da necessidade do planejamento?

  • Por que é necessário planejar?
  • Para que serve o planejamento?
  • É possível eliminar o planejamento, copiando de uma outra empresa?
  • Por que todos falam em etapas do planejamento?
  • Por que as operações do planejamento acontecem nesta ordem?
  • Por que foram definidos estes objetivos e metas?
  • Por que os dados são coletados, organizados e interpretados?
  • Por que são usados estes métodos e técnicas?
  • Por que estes indicadores são utilizados para avaliação?
  • Por que os problemas ocorrem?

O planejamento dá uma direção única para todos, cria um consenso natural entre todos sobre o que é importante; alinha os esforços de todos para o atingir os objetivos comuns. Agiliza e fundamenta a tomada de decisão; aprofunda o conhecimento sobre a organização; reforça a motivação.

Lembrem-se:

1- A missão é a razão de existência da organização. Deve abranger o propósito básico da organização e transmitir seus valores a funcionários, clientes, fornecedores e a sociedade. É a DECLARAÇÃO DE PROPÓSITO e do alcance da organização. Ela se refere ao papel da organização dentro da sociedade em que está envolvida e significa sua razão de ser e de existir.

2 – A VISÃO de uma organização deve ser a SITUAÇÃO FUTURA DESEJADA. Deve ser uma meta ambiciosa e servir como um guia para a definição dos objetivos e a realização da missão.

Deve ser um conjunto de convicções para onde deve seguir a organização. Determina os objetivos de investimento, desenvolvimento, trabalho e estratégias para alcançar o sucesso da organização. É um modelo mental, claro, de um estado ou situação altamente desejável, de uma REALIDADE FUTURA POSSÍVEL.

3 – Os são guias para o processo decisório e para o comportamento da empresa no cumprimento da Missão e na busca da Visão de futuro. Representam as convicções dominantes, as crenças básicas, aquilo em que a maioria das pessoas da organização acredita.

Mas é o planejamento que faz com que todos interiorizem, pensem, analisem, questionem.

É o planejamento que define os meios eficazes e efetivos para alcançar a missão e a visão, que evita o espontaneísmo e as improvisações aumentando o controle do futuro

É o planejamento que nos permite conhecer:

  • O espaço;
  • O ambiente e sua organização;
  • Os recursos;
  • Os possíveis métodos a serem utilizados;
  • As competências das pessoas que vão trabalhar;
  • Os clientes, seus interesses e necessidades;
  • E, inclusive, conhecer a você mesmo.

O planejamento é único para cada empresa, porque parte de um diagnóstico respaldado pela análise dos dados que são coletados, organizados e interpretados.

O planejamento permite a definição dos objetivos e metas e os indicadores utilizados para avaliação.

Consegui convencê-los da necessidade do planejamento? Se não, entrem em contato e vamos conversar.

Por Kátia Issa Drügg

Compartilhar esta publicação:

Você também pode se interessar por:

Planejamento, plano e… mais

O planejamento começou com os propósitos maiores da organização: MISSÃO, VISÃO e VALORES.   Minha organização corresponde exatamente a aquilo que eu quero? Eu acho

Ler »

Improvisar é suicídio!

Improvisar é suicídio!   Até que ponto as pessoas estão preparadas para todo este trabalho já descrito nos textos anteriores?   Quando as ações não

Ler »

Não vamos esquecer do leão surdo!

Vamos planejar para: análise interna, análise externa, estabelecimento do que se quer alcançar.   Vamos elaborar estratégias analisando as estratégias atuais e escolhendo estratégias futuras.

Ler »

Saiba como
posso ajudar

+55 (11) 99649-5970